top of page

Contrabando de vinho leva a perseguição e duas prisões em Foz do Iguaçu


Operação em Foz do Iguaçu resultou na prisão em flagrante de duas pessoas acusadas de envolvimento em contrabando de vinho. A intervenção foi feita nessa terça-feira, 18, por volta das 23h.

A Receita Federal do Brasil (RFB) tentou abordar um veículo no bairro Carimã, mas o motorista não seguiu a ordem de parada. Ao tentar fugir, fez manobras até entrar em uma área de mata.

Foram encontradas cerca de 600 garrafas de vinho, que conforme o órgão federal eram “portadas ilegalmente” pelos detidos. O produto foi avaliado em aproximadamente R$ 50 mil.

As duas pessoas presas são de Foz do Iguaçu, assim como o emplacamento do automóvel. Com o flagrante, condutor e passageiro foram conduzidos para a Polícia Federal.

Forças de segurança e fiscalização do Brasil e da Argentina apertam o cerco contra o contrabando de vinho na fronteira. As operações nos dois países são intensificadas.


Vinho na fronteira


No mês passado, a Administração Federal de Ingressos Públicos (AFIP), da Argentina, promoveu uma grande operação, retirando de circulação mais de 12,5 mil garrafas de vinho. A ação teve o apoio da Polícia Federal e da RFB.

Uma semana depois, a Receita Federal capturou 1.500 unidades da bebida, estimada em mais de R$ 100 mil, na BR-277, em Santa Terezinha de Itaipu. A mercadoria seguia em um ônibus procedente de Arapongas (PR).


0 visualização0 comentário
bottom of page