Operação policial encontra depósito de produtos falsificados no Centro de Porto Alegre

Atualizado: Mar 9

Três andares de um prédio comercial na Avenida Júlio de Castilhos estavam lotados de materiais sem procedência, como roupas, eletrodomésticos, entre outros.



Uma operação realizada pela Polícia Civil em conjunto com a Receita Federal nesta segunda-feira (10), descobriu milhares de mercadorias falsificadas e sem nota fiscal em um prédio no Centro de Porto Alegre.


Três andares, dos quatro do local que fica na Avenida Júlio de Castilhos, estavam tomados pelas mercadorias que iam de roupas e eletrodomésticos, até capas de celular e guarda-chuvas. Muitos produtos ainda estão lacrados, o que dificultou a identificação.

Segundo o delegado responsável pela investigação, Joel Wagner, o local vinha sendo monitorado pela polícia. "Encontramos diversos documentos que vão ajudar a identificar os responsáveis", diz. Mais detalhes não foram informados para não atrapalhar as investigações, diz o delegado.

Ainda de acordo com Wagner, a partir desta operação a polícia espera identificar outros locais que são usados como depósito de produtos falsificados em Porto Alegre. "Nos surpreendemos muito com a quantidade encontrada. E sabemos que com certeza tem mais", diz.

A Polícia Civil lacrou o local e a partir de amanhã, segundo o delegado, vai fazer a apuração da regularidade fiscal juntamente com a Receita Federal.



Fonte: https://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2020/02/10/operacao-policial-encontra-deposito-de-produtos-falsificados-no-centro-de-porto-alegre.ghtml




Police operation finds deposit of counterfeit goods in downtown Porto Alegre


Three floors of a commercial building on Avenida Júlio de Castilhos were full of material without origin, such as clothes, appliances, among others.


An operation carried out by the Civil Police in partnership with the Federal Revenue on Monday (10), found out thousands of counterfeit goods and in a building in Porto Alegre downtown.


Three floors, of the four located on Avenida Júlio de Castilhos, were filled with goods ranging from clothes and appliances, to cell phone cases and umbrellas. Many products are still sealed, making identification difficult. According to the delegate responsible for the investigation, Joel Wagner, the site was being monitored by the police. "We found several documents that will help us to identify those responsible," he says.


Further details were not disclosed so as not to hinder the investigations, says the delegate. Still according to Wagner, from this operation the police hope to identify other places that are used as a deposit for counterfeit goods in Porto Alegre. "We were very surprised by the quantity found. And we know that there is certainly more," he says. The Civil Police sealed the place and as of tomorrow, according to the delegate, will make the verification of the fiscal regularity together with the Federal Revenue.


0 visualização

© Garé Advogados 2018 | All rights reserved